Clientes-Inativos-CDLSP

base de clientes inativos é algo extremamente valioso para uma empresa e que pode ser responsável por uma grande receita. Mas, infelizmente, a grande maioria dos gestores não dão a devida atenção que ela merece e acabam deixando de realizar a sua atualização.

Quando o seu negócio opta por não dar mais atenção aos clientes inativos, ele pode ser impactado de maneira significativa em suas vendas e, logo, em faturamento também.

Portanto, se você é uma dessas empresas, comece a valorizar mais os seus clientes inativos, uma vez que o custo-benefício dessa atualização, inclusive, demonstra que o tempo investido pode se converter em uma experiência de venda extremamente lucrativa.

E, além do mais, não se limita a apenas isso, pois quanto mais organizado estiver o seu cadastro de cliente inativos, mais informações você terá para prestar um serviço de qualidade aos seus consumidores.

Sendo assim, para ajudar a sua empresa a conseguir um aumento de receita através dessa base de clientes inativos, vamos mostrar para você a importância de investir nessa tarefa, como você pode fazer isso e algumas dicas de ações que podem gerar bons resultados. Então continue a leitura para não perder nenhum detalhe!


O que são clientes inativos?


São considerados clientes inativos aqueles consumidores que realizaram uma compra, em determinado momento, mas que não voltaram a comprar novamente há algum tempo. Muitas empresas consideram inativos aqueles clientes que não realizaram novas compras depois de 30 dias.

Lembrando que podem ser clientes que realizaram compras ou clientes que utilizaram os serviços de uma empresa.


Por que investir na atualização da base de clientes inativos?


Para muitos gestores, uma das grandes dores é saber como aumentar as vendas de forma assertiva. E para chegar numa conclusão, são apresentados planos de ações, divisões de áreas, regiões, ataques a concorrência, contratação de novos profissionais.

Porém, o problema é que para você alcançar seus objetivos em vendas, estruturando e investindo em grandes estratégias, compromete muito o seu caixa e nem sempre esta fórmula é certeza de sucesso.

Dessa forma, uma solução eficaz para esse problema, é investir na atualização da base de clientes inativos.

Isso porque o cadastro de clientes atualizado permite que você trabalhe as informações de diversas maneiras. Uma delas é entender por qual motivo um determinado cliente se tornou inativo (preço, qualidade, prazo, relacionamento) e, através desses dados, traçar uma estratégia comercial para recuperá-lo.

Trata-se de um meio rápido para retomar uma relação comercial mais estratégica e um elemento forte de fidelização. Afinal, o relacionamento continua sendo um ótimo instrumento de vendas.

Contudo, é preciso se atentar a um ponto importante, pois, por se tratar de dados que não estão sendo alimentados periodicamente, é natural que a sua base de clientes inativos esteja bem desatualizada, já que não foi revisitada ao longo do tempo.


Como enriquecer a minha base de clientes inativos?


Atualmente, existem vários fornecedores no mercado oferecendo esse tipo de serviço. Entretanto, é extremamente importante que você pesquise por empresas que estejam adequadas a nova legislação da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).

A CDL São Paulo, sempre preocupada com seus associados e ratificando sua estratégia mercadológica em ser um Hub de Negócios, comercializa aos seus associados, e prospects, os produtos Sales Box.

Ou seja, soluções de segmentação personalizada, data constumer analytics/engajamento, personalização do consumidor e realiza todo processo de tratamento e enriquecimento de base de dados.

Tudo para deixar a sua base de clientes inativos bem atualizada e enriquecida com informações essenciais para o fechamento de novas vendas, recuperação de clientes e ainda ajudar a melhorar o relacionamento com seus consumidores.

Para mais informações sobre esse serviço, você pode acessar a página cobre com facilidade e conferir o tópico enriqueça e analise a sua base de devedores.

E, caso queira receber mais informações ou contratar esse serviço, você pode preencher o formulário, que está na página cobre com facilidade, ou acionar o chat. Assim, um dos consultores poderá entrar em contato para tirar todas as suas dúvidas.

Tudo o que você precisa saber sobre negativação


Quais ações a minha empresa pode fazer para resgatar os clientes inativos?


Você já deve saber que quem não se atualiza perde para a concorrência, não é mesmo? E com os seus clientes inativos não é diferente!

Se a sua empresa deixa de realizar ações para tentar resgatar esses consumidores, eles podem acabar se tornando perdidos e, caso isso aconteça, as chances de reconquistar essas pessoas acabam diminuindo ainda mais.

Por isso, resolvemos listar 3 dicas bem legais para o seu negócio, que podem ser utilizadas agora mesmo e que vão trazer ótimos resultados. Veja só:


Antes de tudo…


Conheça o seu cliente inativo!

Não consideramos essa uma dica, mas um dever da sua empresa. Antes de realizar qualquer ação, é essencial que você conheça o seu cliente, que você saiba quais são suas preferências, gostos, hábitos de compras.

Todas essas informações são importantes para que as ações possam ser eficazes, e realizadas de uma maneira que os seus clientes tenham uma experiência boa, despertando a vontade de comprar ou utilizar os seus serviços novamente.


1 – Uma equipe bem treinada é metade do caminho


Quantas vezes você ouviu que é importante ter um bom relacionamento com os seus clientes? Ele é essencial para evitar que eles fiquem inativos e, também, para resgatá-los.

Por esse motivo, é preciso treinar a sua equipe muito bem para que eles sejam proativos, simpáticos, empáticos e que eles saibam que cada cliente é único. Um bom treinamento capacita os seus colaboradores e isso reflete, automaticamente, na conquista desses clientes que já não compravam mais com você.


2 – Campanhas segmentadas são a chave para o sucesso


Lembra que, logo ali em cima, falamos da importância de conhecer os seus clientes inativos? Esse conhecimento é primordial para que seja possível realizar uma das ações mais eficazes: as campanhas segmentadas.

Essas campanhas são feitas quando você reúne um grupo de clientes que possui um hábito em comum, como pessoas que compram comida congelada toda semana, pessoas que preferem ver filmes em aplicativos, pessoas que gostam de fazer exercícios em casa.

Com essas informações, você faz uma campanha segmentada enviando ofertas baseadas nesses hábitos ou preferências e, com isso, conquista maiores chances desses clientes retornarem a comprar ou utilizar o seu serviço mais uma vez.

Afinal, você está ofertando algo que ele já deseja e se interessa.


3 – Inovar é sempre uma ótima escolha


Toda vez que alguém fala de inovação, as pessoas pensam em coisas mirabolantes e que custam muito caro. E não é essa a intenção dessa dica.

A dica aqui é oferecer coisas novas aos seus clientes, independente do ponto de contato. Melhor dizendo, são pequenas ações do cotidiano que podem fazer a diferença, seja na operação, no atendimento, nas vendas, nas redes sociais. Qualquer fator que você possa melhorar para surpreender seus clientes inativos e alcançar melhores resultados.

Lembre-se que eles já compraram com você uma vez e, ao notar novidades, podem ser surpreendidos positivamente por essas ações.

Esperamos que esse conteúdo possa ajudar a sua empresa a turbinar suas vendas com clientes inativos, que ele ajude a trazer melhores resultados e novas ideias para o seu negócio.


Autor: Marcos Marthos – Líder do Canal de Vendas PME

banner horizontal solucao em credito

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *